No início o câncer de mama não dá sinais. Mantenha seus exames em dia

01/10/2018


Desde 1990, o movimento internacional "Outubro Rosa" orienta a busca da detecção precoce do câncer de mama. Há uma equação simples e extremamente eficaz neste sentido: toda mulher deve realizar a avaliação clínica das mamas anualmente - feita na visita ao ginecologista, a mamografia de rastreamento indicada pelo médico e o autoexame mensal das mamas. Com essas medidas é possível identificar anomalias precocemente, conferindo com isso maiores chances de cura. Este ano, serão detectados no Brasil cerca de 60 mil novos casos de câncer de mama. A maioria dos pacientes será composta por mulheres com idade superior a 50 anos. Deste total, 1% será formado por homens. O que vai impactar suas histórias futuras é o estágio no qual se dará o diagnóstico.  

10 ATITUDES PARA VENCER O CÂNCER DE MAMA
 

Aprenda e faça corretamente o autoexame das mamas mensalmente, após o período menstrual

Visite seu ginecologista anualmente. Durante a consulta, ele deve realizar o exame clínico de suas mamas.

Faça mamografias periódicas, de acordo com sua faixa etária ou, em casos específicos, mais cedo ou com maior frequência - segundo as orientações de seu médico.

Pratique atividade física regular.

Estabeleça uma dieta saudável.

Mantenha-se dentro de parâmetros adequados de peso.

Não fume.

Consuma álcool com moderação. Ou, melhor ainda: não consuma álcool.

Em caso de reposição hormonal, faça-o com orientação e estrito acompanhamento médico especializado.

Considere a possibilidade de aconselhamento genético diante de histórico familiar de câncer de mama e/ou ovário.